O que não é trabalho? Hobby X Trabalho

Não é difícil encontrar pessoas que questionam se um hobby pode ou não tornar-se trabalho. Muitas vezes essa questão permanece aberta e sem resposta.
Para nós psicólogos orientadores de carreira a resposta é: DEPENDE.
Poderíamos afirmar que isso depende do lugar que o trabalho ocupa na vida da pessoa. Se para ela o trabalho é algo instrumental, serve para dar estabilidade, investir em viagens, compras e etc, talvez articular interesses e trabalho não seja uma opção tão desejada.
Já para aquelas que buscam ter um equilíbrio de engajamento em diversos campos da vida, ter um trabalho que não gere interesse e satisfação pode ser motivo de um pedido de demissão. O tipo de pessoa com este perfil coloca o trabalho no mesmo lugar de importância que as suas atividades de lazer e sociais. Portanto, nada mais satisfatório para elas que realizar uma atividade de trabalho que esteja bem alinhada com as habilidades e objetos que despertem seu interesse.
Esses são dois perfis que costumo me deparar com frequência em meu consultório.
Compreendendo melhor o lugar que o trabalho ocupa na sua vida, mais facilmente você pode decidir se chegou a hora de fazer o hobby virar sua atividade de trabalho.

Voltar